3 anos da Caatinga Rocks é reinventado com conteúdo digital e série de cervejas comemorativas

A cervejaria alagoana Caatinga Rocks ressignifica sua celebração de três anos preparando conteúdo digital exclusivo junto ao lançamento da linha comemorativa Tr3s

A cervejaria artesanal alagoana Caatinga Rocks chega a três anos em 2020 e a celebração desta data que já havia sido desenhada desde o início do ano foi replanejada parcialmente devido as restrições provocadas pela crise atual.

A comemoração teve uma primeira parte promovida no evento Calango e Serpentina em fevereiro, uma festa tradicional no calendário da cervejaria, e ganharia adicionalmente o lançamento de uma cerveja comemorativa logo em seguida em março.

Publicidade

Com a chegada da pandemia do novo coronavírus, o lançamento da cerveja precisou ser totalmente repensado para que a oportunidade da chegada do produto ao mercado não fosse perdida.

A partir deste momento os irmãos Rafael e Marcus Leal, sócios da Caatinga, passaram a buscar meios de não só postergar a chegada da cerveja, mas também de dar um novo significado a esta oportunidade de contato com o público nessa ocasião especial.


Leia mais:

Petroleum é Nosso – Filme relata a evolução do mercado de cerveja artesanal no Brasil


Como a cervejaria americana Trillium adapta seu taproom para operação online


“Durante esses últimos meses, refletindo como daríamos continuidade a isso (e ponderando que precisávamos dar continuidade), começamos a fazer alguns testes, de forma totalmente despretensiosa, com a adição de alguns ingredientes diferentes, vendo como eles “conversavam” com o perfil sensorial da cerveja original. E os resultados começaram a nos empolgar bastante!” comenta Rafael Leal.

A experimentação levou a base original de uma Belgian Strong Ale, com 9% ABV, a se transformar em três cervejas: uma Strong Sour Ale (5,8% BV), na qual fizeram um blend da cerveja original com uma base de sour com adição de morango, uma Strong Coffee Ale (9%ABV) onde foi adicionado café – por meio da técnica de cold brew – e infusionado um toque de pimenta do reino. Por fim, com a intenção de que umas das três cervejas fosse escura, foi criada uma Strong Dark Ale (9% ABV), em com a infusão de maltes torrados e de nibs de cacau.

Para além apenas da criação da série de produtos batizados como Projeto Tr3s, a cervejaria se preocupou em adicionar uma camada maior de envolvimento com o seu público, levando em conta a necessidade de distanciamento social atual.

Para isso, decidiu recorrer a criação de conteúdo digital especialmente para a ocasião com o objetivo de ampliar a a experiência das pessoas em relação a celebração da cervejaria e a imersão no processo que levou a criação das três cervejas.

“Para contar essa história, bem como o processo produtivo desse projeto, chamamos o filmmaker (e amigo) Duda Bertho para nos ajudar. Daí programamos uma série de vídeos para ampliar a experiência dos nossos clientes e amigos e a partir dos próximos dias vamos começar a divulgar todo esse material, intercalando com a série de lançamentos que programamos” comenta Rafael sobre a iniciativa.

A cada uma das próximas três terças-feiras (30/06, 07/07 e 14/07) será lançada uma das cervejas do projeto da Caatinga acompanhadas do conteúdo audiovisual em seu perfil do Instagram.

O marketing digital e o engajamento online será um pilar fundamental para cervejarias artesanais nesse novo momento de mercado como já tem ocorrido em alguns lugares do mundo, e este redirecionamento de maneira criativa já pode ser vista no Brasil neste exemplo do projeto Tr3s da Caatinga Rocks.

“Nosso tripé pode se resumir em valorizar as nossas raízes, com inovação e criatividade, tendo como objetivo sempre entregar a melhor e mais completa experiência” completa Rafael sobre o projeto.

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação pela EQ/UFRJ
Sommelier e especialista em marketing de cervejas