Número de cervejarias no Brasil cresce 30% em 2018 e país se aproxima de 1.000 fábricas

Publicidade
Com média de abertura de uma fábrica a cada dois dias o número de cervejarias no Brasil continua crescendo e o país se aproxima da milésima fábrica

Com a impressionante marca de abertura de uma cervejaria a cada dois dias, o Brasil chegou ao final de 2018 com 889 fábricas de cerveja de acordo com o Anuário da Cerveja no Brasil publicado pelo Ministério da Agricultura Abastecimento e Pecuária (Mapa).

Frente as 679 unidades contabilizadas ao final de 2017 o crescimento representa um acréscimo de 30% no número de unidades industriais, mantendo a média dos últimos dois anos, a maior da história do país.

Leia também: Brasil já é o segundo mercado de cerveja artesanal mais inovador do mundo

O surpreendente crescimento do número de novas cervejarias, majoritariamente de pequeno porte, ao longo dos anos de recessão econômica mostra a existência de um mercado potencial que ainda não havia sido suprido pela diversidade de produtos e modelos de negócio destas empresas.

Publicidade

O registro de novos produtos atingiu a marca de 6,8 mil, bastante acima de outras bebidas como vinho (1.800 registros), mas abaixo da marca de 8,9 mil de 2017.

A grande concentração de produtores permanece localizada na região sul e sudeste, com destaque para os estados do Rio Grande do Sul, Minas Gerais e São Paulo, os três primeiros colocados respectivamente

A manutenção da taxa de crescimento em 30% pode levar ao Brasil encerrar o ano de 2019 com mais de 1.000 cervejarias. Apesar de soar um número audacioso, em países menores, porém com quadro econômico mais favorável, como o Reino Unido a média de abertura de novas microcervejarias nos últimos anos superou a faixa de 300 fábricas.