Sistema Coca Cola passa a distribuir a Estrella Galicia no Brasil

Publicidade
Sistema Coca Cola continua a rota de aumento de investimentos para ampliação de seu portfólio de cervejas premium no Brasil

O sistema Coca Cola está ampliando seu portfólio de comercialização de cervejas no Brasil com anúncio que será a responsável pela distribuição da marca espanhola Estrella Galícia no país.

Com este novo movimento, a Coca Cola aumenta seu investimento na oferta de diversidade de cervejas a serem trabalhadas no Brasil, algo que já havia sido ampliado recentemente com a aquisição da Cerveja Therezópolis pela engarrafadora Coca Cola FEMSA.

Continua após a Publicidade

—-


Leia mais:

Lagunitas lança sua primeira IPA sem álcool


O que esperar do mercado de cerveja em 2021


A Estrella Galicia chegou ao Brasil em 2008 com as cervejas Estrella Galicia, Estrella Galicia 0,0% (versão sem álcool), 1906 Reserva especial, 1906 Red Vintage e 1906 Black Coupage. Até então, a marca produzia no Brasil através de uma parceria com a cervejaria Casa di Conti, em uma fábrica em Cândido Mota, no interior de São Paulo.

A Estrella Galicia é uma marca pertencente a Cervejaria Hijos de Rivera , e localizada em La Coruña, na Espanha, e tem atuado nos últimos anos em buscar ampliação da sua atuação no Brasil aproveitando o crescimento do mercado de cervejas premium. A empresa por diversas vezes anunciou projetos de construção de uma fábrica no Brasil que não se concretizaram, e mais recentemente voltaram a afirmar isso relatando que irão construir uma unidade de fabricação em São Paulo.

Para o sistema Coca Cola a entrada tanto da Estrella Galicia, como da Therezópolis reforçam seu portfólio dentro segmento de cervejas premium, que é o que mais cresce no país. A Coca Cola ficou desfalcada de opções neste segmento após seu acordo com a Heineken não permitir mais a distribuição da própria Heneken e da marca Amstel, que ficarão com distribuição exclusiva da marca holandesa no país.

Com o portfólio atualizado, a Coca Cola passa a possuir marcas relacionadas ao mercado de cerveja que vão desde o segmento econômico com Kaiser e Bavaria, passando pelo chamado ‘mainstream plus’ com Eisenbahn e Tiger e chegam até o premium com Sol, Estrella Galicia e Therezópolis

Coca Cola demonstra aumento de interesse no mercado de cerveja no Brasil

Chama a atenção o fato do sistema Coca Cola no Brasil estar direcionando cada vez mais recursos para estruturar operações relacionadas ao mercado de cerveja no Brasil.

Durante o período em que eram detentores da marca Kaiser e posteriormente com a parceria com a Heineken o sistema Coca Cola no Brasil possuía um portfólio mais simples a ser trabalhado. Cm as mudanças recentes, além da parceria com a Heineken que permanecerá com as cervejas do segmento econômico, a aquisição da marca Therezópolis e a parceria de distribuição com a Estrella Galícia mostram o interesse da empresa em abocanhar uma fatia do mercado de cervejas de maior valor agregado no Brasil que tem crescido no país.

Com a perda da distribuição do produto chave da Heineken, a Coca Cola está investindo numa diversidade de marcas que apresentam menor reconhecimento mas possuem maior diversidade de opções no portfólio das cervejas do segmento premium, já conversando com variedade de de estilos de cerveja presente no segmento de artesanais.

Uma possibilidade no futuro, com a continuidade da expansão do mercado de cervejas de maior valor agregado, seria a Coca Cola estabelecer parceria ou fazer aquisição de alguma marca mais ligada ao mercado de cervejas artesanais no Brasil, de forma a ganhar participação também dentro desta categoria

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Publicidade
Publicidade

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação Tecnológica pela EQ/UFRJ e analista do mercado de cervejas.