O ranking das IPAs mais vendidas no maior e-commerce de bebidas dos EUA

Publicidade
Drizly, o maior e-commerce de bebidas alcoólicas dos EUA, revela quais foram as IPAs mais compradas ao longo de 2020, analisando a força do estilo

As IPAs no mercado de cerveja americano são uma categoria que crescimento contínuo há alguns anos, o que tem despertado interesse tanto dos grandes conglomerados quanto de pequenas cervejarias artesanais em investir na construção de portfólio e conferir diversificação focando no estilo.

Apesar do domínio das american light lagers no mercado total de cervejas nos Estados Unidos, o crescimento das IPAs tem sido um destaque principalmente na competição de produtos presentes em grandes redes de varejo e também no comércio eletrônico, onde podem ser observadas quais as marcas mais populares que atraem o desejo de compra do público.

Continua após a Publicidade

Focando no setor de e-commerce, na plataforma Drizly, que é o maior player de vendas por canal digital de bebidas alcoólicas nos EUA (vendido recentemente para o Uber), o desempenho das marcas de cervejas da categoria de IPAs foi um dos destaques.

O Drizly possui um blog onde publica análises sobre o desempenho das vendas de bebidas alcoólicas presentes no seu sistema, e recentemente realizou uma postagem dedicada a avaliar a evolução das IPAs como categoria e revelou quais foram as marcas mais vendidas de 2020 dentro da plataforma.


Leia mais:

Lagunitas lança sua primeira IPA sem álcool


O que esperar do mercado de cerveja em 2021


Em 2020, a categoria geral de IPAs foi responsável por 19 por cento das vendas de cerveja no Drizly, tornando-a a segunda categoria mais vendida depois dos hard seltzer (que são avaliados nos EUA como um segmento pertencente ao mercado de cerveja). Esse número foi maior do que em 2019, quando as IPAs detinham 16,5 por cento da participação da cerveja na Drizly, indicando o forte crescimento ano a ano da categoria.

Embora IPAs estejam presente no mercado americano há mais de 30 anos, só cerca de 15 anos atrás se formou uma massa de consumidores mais interessados nos fatores de aroma e sabor relativos ao estilo o que foi capaz de torná-lo um destaque a parte no setor.

Conforme a categoria de IPAs cresceu, ela também se tornou mais ampla e com mais nuances. “O que começou como um pedaço da categoria de cervejas artesanais agora cresceu para ter o seu próprio espaço nas prateleiras”, avaliou Paige Guzman, diretor de marketing da  Lagunitas falando ao Drizly .

“Com isso, tem havido um florescimento de subcategorias de IPAs que atendem a um conjunto mais amplo de demandas dos fãs de cerveja.” complementou Guzman. A categoria geral de IPAs dentro do Drizly inclui os estilos New England IPAs, Imperial/Double IPA/, session IPA, Black IPA, Red IPA e White IPA, além do estilo IPA padrão.

Toda essa evolução das IPAs fez com que a categoria se tornasse mais popular do que um estilo de cerveja que fosse a preferência apenas de um público muito engajado com o segmento de cervejas artesanais. Sendo, por exemplo, a escolha recorrente de consumidores ocasionais que não possuem muito conhecimento específico sobre cervejas, algo que foi alcançado com lançamentos que trouxeram produtos mais acessíveis do ponto de vista de teor alcoólico e sabor.

O ranking de vendas de IPAs no Drizly em 2020

Embora a subcategoria IPA padrão compreenda a maior porcentagem das vendas da categoria IPA no Drizly, tem havido bastante crescimento e movimento nos outros estilos da categoria.

New England / hazy IPAs são atualmente o blockbuster da categoria IPA, observando um crescimento de vendas de 761% ano contra ano no Drizly em 2020. Embora o estilo tenha sido criado no início dos anos 2000 e disponibilizado no mercado há cerca de uma década, foi apenas nos últimos dois anos que as New England IPAs realmente explodiram. 

No Drizly, as New England IPAs agora correspondem a 20,8 por cento da participação da categoria IPA, e Hazy Little Thing IPA da Sierra Nevada foi a terceira IPA mais vendida em 2020, mesmo sem nem mesmo entrar na lista dos 10 primeiros no ano anterior.

As session IPAs também ganharam terreno nos últimos anos, à medida que os consumidores procuram maneiras de apreciar os sabores de uma IPA sem ter que beber uma cerveja com alto teor alcoólico. Uma maneira de buscar a experiência de uma IPA sem o álcool e as calorias das opções tradicionais. Esse estilo proporcionou a entrada na escolha do estilo por muitos consumidores que não bebiam IPAs.

Completando o conjunto, na outra extremidade a subcategoria Imperial IPA também experimentou ganhos de vendas em 2020. As vendas desse estilo de alto teor alcoólico cresceram 446% ano a ano e atualmente detém 18,5% da participação da categoria no Drizly.

Chama a atenção que dentro das 10 IPAs mais vendidas no Drizly, 50% pertencem a cervejarias de propriedade de grandes conglomerados internacionais. Lagunitas da Heineken, Founders da espanhola Mahou San Miguel, New Belgium da japonesa Kirin, Elysian e Goose Island da AB InBev e outros 50% são marcas pertencentes a cervejarias artesanais independentes, segundo o critério da Brewers Association.

Confira a lista das IPAs mais vendidas no Drisly em 2020

  1. Lagunitas IPA
  2. Founders All Day IPA
  3. Sierra Nevada Hazy Little Thing IPA
  4. Bell’s Two Hearted Ale IPA 
  5. New Belgium Voodoo Ranger Imperial IPA 
  6. Lawson’s Sip of Sunshine IPA 
  7. Elysian Brewing Space Dust IPA 
  8. Lord Hobo Boomsauce Double IPA
  9. Cigar City Brewing Jai Alai IPA 
  10. Goose Island IPA

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Publicidade
Publicidade

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação pela EQ/UFRJ
Sommelier e especialista em marketing de cervejas