Cervejaria paulista Dogma cria sistema de franquias do tasting room da marca com investimento fixo a partir de R$ 440.000,00.

A cervejaria Dogma decidiu expandir seu negócio através de um sistema de franquias de seu tasting room.

O tasting room original da Dogma foi inaugurado em 2017, no bairro de Vila Buarque em São Paulo, onde serve exclusivamente cervejas da marca e dado o sucesso do espaço o conceito será expandido para todo o Brasil, segundo a empresa, .

Para cervejarias com um bom reconhecimento de marca o investimento no sistema de franquias pode oferecer dois importantes atrativos: os royalties devido a concessão de uso de sua marca e a construção de volume de comercialização com maior previsibilidade.

O modelo que será utilizado pela Dogma foi desenvolvido através da consultoria Cherto, especializada em formatar negócios para franquias.

Cervejaria Dogma iniciou apenas com produção terceirizada e depois avançou para tasting rooms

Nascida em 2015 com uma cervejaria cigana, a Dogma se destacou por explorar intensamente estilos lupulados juntamente a uma identidade visual muito impactante que foi construída de forma planejada. Atualmente a marca paulista conta com mais de 100 rótulos lançados, estando presente em mais de mil pontos de vendas pelo país.

Leia também: Dogma começará a produzir na Start Up Brewing em Itupeva (SP)

Desde 2017 a cervejaria passou a contar com produção própria anexa ao seu tasting room e dedicada exclusivamente a ele, continuando com a produção terceirizada, atualmente na Start Up Brewing, como foco apenas no mercado de varejo.

Em 2018 o volume de produção da Dogma cresceu 25% chegando a marca de mais de 120 mil litros no ano.

Leia também: O que é brewpub / taproom / tasting room? (e qual a diferença entre eles)

O modelo de franquia do tasting room da Dogma não prevê produção de cerveja no local, os produtos serão fornecidos pela cervejaria em condições de compra mais vantajosas que o mercado. A casa poderá contar com 10 a 15 torneiras todas exclusivas da marca paulista e contará com suporte da mesma em diversos aspectos como planejamento e gestão do negócio.

De acordo com o site da cervejaria, o investimento fixo para o tasting parte do valor de R$ 440 mil, com taxa de royalties de 5%. O tempo de retorno estimado do negócio é de 30 meses.

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação pela EQ/UFRJ
Analista de comercialização e logística, sommelier e especialista em marketing de cerveja.