Brewdog revela planos de adequação para retorno de bares

A cervejaria Brewdog que opera uma cadeia de bares pelo mundo revelou seus planos de adequação de medidas sanitárias quando a quarentena for flexibilizada

A cervejaria escocesa Brewdog que opera cem bares e taprooms ao redor do mundo revelou uma lista de 10 medidas para adequar suas operações à reabertura de seus locais conforme governos decidam flexibilizar quarentenas em diversas regiões.

As medidas envolvem a realização de pedidos sem contatos, uso de máscaras pelas equipes de atendimento, reorganização de layouts para promover distanciamento social entre outras.

A Brewdog têm apresentado uma acelerada expansão de suas operações pelos mais diferentes mercados como América, Ásia e Europa, alavancada por uma série de sucessivos equity crowdfundings e pela participação de um fundo de investimento privado.

A crise do novo coronavírus teve um grande impacto sobre os negócios da escocesa reduzindo em 70% seu faturamento que depende em grande parte da operação de seus pubs.


Leia mais:

Petroleum é Nosso – Filmes para entender o mercado de cerveja


Brewdog revela nova identidade visual para continuar expansão mundial


O diretor de operações David McDowell disse: “Este é um momento extremamente desafiador para nossos bares. Aqui no BrewDog, todos ansiamos pelo dia em que nossa equipe esteja de volta em nossos bares, servindo cerveja artesanal de nível mundial à nossa incrível comunidade”.

“Embora o futuro das empresas de hospitalidade seja incrivelmente incerto, continuamos otimistas. Com isso em mente, enquanto aguardamos ansiosamente a orientação oficial do governo, nossas incríveis equipes de advogados têm trabalhado em várias propostas.

“Quando finalmente abrirmos nossos bares novamente e nossos clientes nos visitarem para desfrutar de uma cerveja bem merecida, garantiremos que eles o façam com uma recepção calorosa e em um ambiente limpo e seguro”.

O plano de 10 pontos que seguirá em uma tentativa de manter os consumidores seguros nesta nova era de contágio compreendem:

1.      Pedidos sem contato através do nosso aplicativo Order to Table.

2.      Funcionários que usam máscaras faciais e luvas o tempo todo.

3.      Estações higienizadoras de fácil acesso para todos.

4.      Sinalização e diretrizes de distanciamento social claramente visíveis.

5.      Layouts de móveis alterados para criar espaço apropriado.

6.      Capacidade de monitoramento de público continuamente.

7.      Somente pagamento sem dinheiro, por meio do aplicativo ou pagamento com cartão

8.      Menus de uso único.

9.      Telas de separação física de mesas disponíveis mediante solicitação.

10.     Limpeza de superfícies a cada 15 minutos.

“Olhando para o futuro, queremos ter certeza de que, quando tudo estiver acabado, seja em Aberdeen ou em Berlim, você poderá comemorar com amigos e família, tomando uma cerveja. Até lá, fique em casa. Fique seguro e cuide-se, vemos vocês em breve.

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação pela EQ/UFRJ
Sommelier e especialista em marketing de cervejas