Estas são as 25 marcas de cerveja mais valiosas do mundo de 2019

Ranking recém-lançado pela Brand Finance, uma empresa independente de avaliação de negócios relata que a Budweiser toma pela primeira vez em anos o primeiro lugar da Bud Light. A escocesa Brewdog aparece pela primeira vez no ranking e chinesas são as que mais crescem.

A Brand Finance publica anualmente seu ranking num relatório onde avalia os valores de marcas de cerveja no mundo. A métrica utilizada pela consultoria mede a receita líquida que uma marca geraria se fosse licenciada no mercado aberto. Os rankings são calculados avaliando o quanto a receita de uma controladora é atribuída às suas marcas individuais.

A chegada da Budweiser no topo da lista pode ser atribuída à campanha publicitária da Copa do Mundo da FIFA em 2018, a mais cara da história até hoje, mas que expôs a empresa a novos mercados na África do Sul, Colômbia, China e Austrália. Ela cresceu mais de seis por cento em valor, onde a Bud Light caiu cinco por cento.

“A Budweiser e a Bud Light, marcas emblemáticas da gigante cervejeira belga [Anheuser-Busch] InBev, tiveram que lidar com as mudanças nos hábitos de consumo dos consumidores nos Estados Unidos”, diz o relatório da Brand Finance. 

“O declínio geral do consumo de cerveja entre os millennials e a preferência por alternativas mais saudáveis ​​e sem álcool contribuíram para a desaceleração no crescimento do valor da marca em comparação com anos anteriores.”

As marcas da AB InBev declinaram seu desempenho em relação a 2018 ocupando 11 dos 25 primeiros lugares no ranking, enquanto no ano anterior ocupavam 13 dos 25.

Brewdog aparece pela primeira vez entre as 25 primeiras

A marca escocesa de cervejas artesanais Brewdog é a mais nova entrante do ranking das 25 maiores do mundo, sendo rankeada na 19º posição, com um valor de marca de 1,5 bilhão de dólares.

Agora com 11 anos, a marca está empreendendo planos ambiciosos de crescimento em mercados chave internacionais, com novas cervejarias e bares emplanejamento tanto em casa no Reino Unido quanto no exterior.

Leia também: Brewdog almeja 7 milhões de libras em sexta rodada de crowdfunding

Seu carro-chefe, a cerveja Punk IPA, já é a número um no segmento artesanal no Reino Unido e a marca está se empenhando para se tornar a cerveja de escolha dos consumidores internacionalmente. A Brewdog está comprometida com a expansão, com gim e vodka já em seu portfólio, e está ampliando sua participação para chegar mais longe, entrando no mercado de uísque, em uma apostapara se tornar mais competitiva.

Em 2018, BrewDog anunciou sua incursão no negócio de hotéis, abrindo as portas para o primeiro hotel de cervejas artesanais do mundo, The DogHouse. E em 2019 a escocesa comprou uma fábrica em Berlim, de propriedade anterior da americana Stone Brewing, ampliando sua capacidade de produção na Europa.

Marcas brasileiras declinam e chinesas sobem

Entre as marcas brasileiras a melhor posicionada é a Brahma na oitava posição, seguida da Skol (9º) e Antarctica (23º). Todas as brasileiras apresentaram queda em relação a 2018, representando bem a crescente fragmentação de mercado em andamento no Brasil.

Leia também: Infográfico: Brasil atinge marcade 1000 cervejarias

O relatório destaca que deve-se observar as marcas chinesas, como Snow e Tsingtao, que tiveram a taxa de crescimento mais rápida no último ano.

“Com a demanda por cerveja em um momento alto na China e previsões de alto crescimento do segmento no país nos próximos anos como um resultado de maior renda disponível da emergente classe média, esta tendência parece definida a continuar. Se essas marcas começarem a se expandir para além da China e em novos mercados, poderíamos potencialmente ver uma competição dura para marcas de cerveja ocidentais estabelecidas” declara a consultoria.

Veja o ranking completo abaixo:

O relatório completo pode ser acessado aqui.

Receba semanalmente o melhor conteúdo sobre o mercado de cerveja

Sobre o autor

Felipe Freitas é engenheiro químico, mestre em Gestão da Inovação pela EQ/UFRJ
Sommelier e especialista em marketing de cervejas